Abril é o mês decisivo no combate à pandemia de coronavírus

O país inicia, hoje, o mês que carrega o maior desafio contemporâneo da saúde pública brasileira. É em abril que o Ministério da Saúde estima colocar em prática parte das preparações de enfrentamento ao novo coronavírus. Em um cenário de transmissão sustentada cada vez mais consolidado, os vazios assistenciais e a impossibilidade de isolamentos sociais em comunidades mais vulneráveis têm sido ponto preocupante e motivo de discussão do Gabinete de Crise contra a Covid-19.

A explosão de casos da Covid-19, bem como sua consolidação em regiões conectadas aos grandes centros, é o cenário estimado para as próximas semanas. “Parte desse processo já estava dentro das expectativas esperadas. A transmissão está escalonando, crescendo dentro da cidade”, confirmou o secretário de vigilância em Saúde do ministério, Wanderson de Oliveira.
A preocupação é que, no Brasil, o epicentro da disseminação do coronavírus deve coincidir com o de outras doenças sazonais, como a dengue e a influenza. “As temperaturas começam a cair e as pessoas ficam mais aglomeradas, então, o cuidado adicional é fundamental. Se nós não fizermos todos os esforços, vamos ver situações, principalmente dessas comunidades, de circulação mais intensa”, explicou.

0 comentários ↓

Não existe comentários ainda...que tal deixar sua opinião ??

Deixe um comentário