Nascente do rio Potengi passa por avaliação do potencial turístico

A cerca de 190 km de Natal, nasce o rio grande que dá nome ao estado. Na manhã desta quinta, 30/09, a equipe técnica de três órgãos do governo do Rio Grande do Norte visitaram a nascente do Potengi, localizada em Cerro-Corá, para averiguar as condições ambientais e possíveis adequações para que a área possa se tornar um roteiro turístico mais bem estruturado, integrando-se aos outros destinos que formam o Geoparque do Seridó. 

Estiveram no local a secretária de Turismo Ana Maria da Costa , a subsecretária de Política e Gestão Turística, Solange Portela, o diretor-presidente do Instituto de Desenvolvimento Sustentável e Meio Ambiente (Idema), Leon Aguiar, e o coordenador de Meio Ambiente e Saneamento da Secretaria de Meio Ambiente e Recursos Hídricos (SEMARH), Robson Henrique. Eles foram acompanhados por técnicos das secretarias, e da prefeitura municipal de Cerro Corá, que avaliaram intervenções para ampliar a proteção da nascente, garantindo um maior cuidado também com os visitantes que realizam turismo de aventura e aulas de campo na área.

“Reconhecemos o potencial desse destino turístico, mas turismo não se trata apenas de garantir estrutura física, precisamos focar também  na qualificação das pessoas que vão receber esses visitantes, melhorando ainda mais a qualidade do serviço prestado. A secretaria de Turismo vai se somar aos esforços da SEMARH e Idema pela preservação ambiental desse patrimônio natural, e quer auxiliar a comunidade local no desenvolvimento do turismo”, afirmou Ana Maria da Costa, titular da Setur/RN.

Valdir Julião