Repórter agredido almoça com Bolsonaro; Fábio Faria esteve presente

O presidente Jair Bolsonaro chamou o fotógrafo Orlando Brito, um dos mais experientes do país, para uma conversa nesta terça-feira (5). O profissional foi empurrado durante o protesto de domingo (3), em Brasília, e teve o óculos jogado no chão.

Brito, que tem 54 anos de carreira, almoçou com Bolsonaro. O profissional teria aconselhado o presidente a ter uma melhor relação com os jornalistas.

Bolsonaro falou que Globo, Folha e Estadão “não tem jeito” e também comentou com o fotógrafo: “Alguém pode imaginar que eu vou autorizar a agredir alguém”.

Também estiveram no encontro o presidente da Embratur, Gilson Machado, e o deputadofederal Fábio Faria (PSD-RN). No cardápio, medalhão de filé e purê, e de sobremesa, frutas.

O presidente afirmou que também pretende chamar o fotógrafo Dida Sampaio, do jornal O Estado de S. Paulo, que foi agredido no mesmo ato para uma conversa.

Record

0 comentários ↓

Não existe comentários ainda...que tal deixar sua opinião ??

Deixe um comentário