As incertezas sobre Ezequiel

O deputado Ezequiel Ferreira pode até ter desejado demonstrar seu mando forte na gaiola dos tucanos antes que alguém pudesse pensar que o prefeito Álvaro Dias lidera o seu partido.

A medição de forças, ainda que os dois não tenham assumido, nasce do apoio de Álvaro Dias ao nome de Eduardo Leite, governador gaúcho. Acabou gerando um frisson típico da aldeia. 

Neste momento o mando de Ezequiel é incontestável, mas ele sabe: tudo passa pelas urnas de 2022. A derrota de João Dória, se ocorrer, será um terremoto a destruir a força do PSDB. Anotem.

De Vicente Serejo

0 comentários ↓

Não existe comentários ainda...que tal deixar sua opinião ??

Deixe um comentário