Fiocruz não recomenda retomada irrestrita de eventos com aglomeração

Retomada ilimitada de eventos sociais com aglomeração levando em conta apenas o percentual de adultos totalmente vacinados não é recomendada. É o que informa o novo boletim do Observatório Covid-19 da Fiocruz (Fundação Oswaldo Cruz).

Segundo o documento divulgado nesta quinta-feira 4, é preciso cautela, sendo fundamental que se alcance 80% da cobertura vacinal em toda a população, inclusive crianças e adolescentes. “Vale lembrar que a população de adolescentes, pelo tipo de comportamento social que tem, é um dos grupos com maior intensidade de circulação nas ruas e convive com outros grupos etários e sociais mais vulneráveis”, dizem os pesquisadores.

“Por isso, é equivocado pensar que somente com a população adulta coberta adequadamente a retomada irrestrita dos hábitos que aglomeram pessoas é possível”, completam.