TRE aguarda avaliação do TSE para decidir sobre solicitação de Forças Armadas para o RN nas eleições

O Rio Grande do Norte está entre os estados que não solicitaram reforço das Forças Armadas para a segurança durante as eleições deste ano. O Tribunal Regional Eleitoral do RN (TRE/ RN) ainda aguarda uma resposta do Tribunal Superior Eleitoral (TSE) para decidir se o pedido será ou não necessário. Mas, de acordo com a assessoria de imprensa do TRE, não há indicativo de que a solicitação de tropas federais seja necessária.

Edvaldo Júnior vai ser mesário pela segunda vez em 2022 e, apesar das ameaças antidemocráticas registradas pelo país nos últimos tempos, ele conta que o clima entre quem vai trabalhar nas eleições é de tranquilidade.