Arquivo da categoria: Cultura

Concerto em Natal celebra 50 anos de relações diplomáticas entre a China

Natal vai receber no próximo dia 03 de junho, às 19h30, no Teatro Alberto Maranhão, um concerto especial, com a Filarmônica UFRN apresentando obras chinesas e nordestinas.

Este concerto, promovido pelo Consulado-Geral da República Popular de China em Recife, com o apoio do governo do Rio Grande do Norte, faz parte das celebrações realizadas na China e no Brasil para celebrar os 50 anos do estabelecimento das relações diplomáticas entre os países.

O público terá a grande oportunidade de assistir o espetáculo com entrada gratuita.

Na programação, a Filarmônica UFRN, sob a regência do maestro André Muniz, interpretará músicas chinesas como “Boas Novas de Pequim chegam aos Vilarejos”, “Dança do Povo Yao”, “Abertura do Festival da Primavera”, “Flor de Jasmim”, “Diálogo de Flores” e “Eu te amo, China”, esta última com a participação do tenor Kaio Morais.

O concerto também apresentará obras nordestinas como “Gonzaguiana” e “Suíte Nordestina”, realçando dessa forma o diálogo entre as duas culturas por meio de uma troca de elementos folclóricos e tradicionais.

A China e o Brasil estabeleceram relações diplomáticas no dia 15 de agosto de 1974. Desde então, as relações bilaterais vêm crescendo em inúmeros aspectos econômicos, sociais, educacionais e culturais.

Um dos maiores parceiros comerciais do Brasil desde 2009, a China importou mais de US$ 100 bilhões de produtos brasileiros em 2023.

A parceria estratégica abrangente sino-brasileira vem beneficiando os dois povos e o desenvolvimento de modernização do país.

O impacto da China ao estado do Rio Grande do Norte também tem sido de grande relevância.

Em uma reunião recente com professores da Escola de Música, o Secretário Sílvio Torquato Fernandes, da Secretaria de Desenvolvimento Econômico (SEDEC), ressaltou a importância dos investimentos de empresas chinesas para o desenvolvimento econômico de nosso estado.

Além disso, recentemente houve uma doação de 29 máquinas agrícolas para pequenos agricultores do nosso estado, como parte da Parceria Brasil-China para Mecanização Agrícola da Agricultura Familiar, iniciativa coordenada pela SEDRAF.

Ezequiel recebe Mérito Cultural


Após 37 anos desde que presidiu a antiga EMPROTURN, no Governo de Geraldo Melo, seu ex-presidente, EZEQUIEL FERREIRA DE SOUZA, vai receber uma HOMENAGEM ESPECIAL .

Será um reconhecimento pela sua participação e pelo apoio como Presidente da Emproturn nas primeiras edições do Festival Nacional de Cinema de Natal, Ezequiel Ferreira de Souza foi lembrado recentemente pelo criador do FESTIVAL DE CINEMA DO RN, Valério Andrade e será agraciado com o título do Mérito Cultural Cinematográfico.

A homenagem acontecerá nesta terça-feira , dia 30 às 15:30, na sede do Conselho Estadual de Cultural, em reunião presidida pelo Conselheiro Valério Mesquita.

Valério está resgatando personalidades que contribuíram para a cultura do estado nos festivais e lhes prestando homenagens.7 minVer tradução

Reizo: exibição de documentário sobre Boi de Reis encerra Abril das Artes no TAM

“Reizo”, um documentário que aborda as ricas tradições dos Grupos de Boi de Reis no Rio Grande do Norte, realizará sessão de pré-estreia em Natal nesta terça-feira (30), às 19h, no Teatro Alberto Maranhão. O evento encerra a programação do Abril das Artes, promovida pelo Governo do RN, por meio da Secretária Extraordinária de Cultura e Fundação José Augusto (FJA). A entrada é gratuita e o acesso será por ordem de chegada. Durante o dia, haverá sessão destinada para alunos de escolas públicas, seguidas por debates.

Produzido por Felipe Campos Chaves e dirigido por Júlio Castro, “Reizo” nasce da urgente necessidade de preservar e celebrar as tradições dos Bois de Reis, um patrimônio cultural imaterial fundamental para a identidade local. O filme visa proporcionar uma imersão autêntica nas raízes desta expressão cultural, contribuindo para a sua perpetuação.

Mais do que um filme, “Reizo” serve como um instrumento para a preservação e celebração de uma herança cultural única. Ao documentar de forma significativa estas tradições, o filme enriquece nossa compreensão da diversidade cultural e histórica. Ele destaca a importância da preservação cultural, ao registrar autenticamente os grupos de Bois de Reis no estado.

Lei de João Gustavo reconhece o Boi de Reis do Trangola como Patrimônio da Cultura de Currais Novos

Com um mandato também voltado para a valorização da cultural local, o vereador João Gustavo entregou à comunidade reconhece o Boi de Reis do Trangola como Patrimônio da Cultura Material e Imaterial de Currais Novos.

“Um momento de valorização das nossas raízes e tradições. Agradecemos ao prefeito Odon Júnior por sancionar esta Lei e ao Sr. Luiz Reno Pinheiro, Curador do Museu Comunitário Vicente Firmino, por ser um guardião da memória e cultura do Povoado Trangola. Está Lei é um marco em prol da nossa cultura”. disse João Gustavo.

Novas vozes musicais do RN serão apresentadas ao público na próxima semana no Teatro Alberto Maranhão – TAM

O Festival do Industriário 2024 – SESI Entoando Canções chega a etapa Semifinal do Polo Natal com evento aberto ao público, no Teatro Alberto Maranhão – TAM, no dia 27 de abril, às 20h.

O Festival, que tem como objetivo celebrar o Dia da Indústria, estimular a criação artística musical dos industriários, descobrir novos talentos, fomentar e difundir a produção musical do estado, é realizado pelo SESI com co-realização da FIERN. Uma ação que fortalece o SESI como protagonista no incentivo cultural do Rio Grande do Norte.

E, para este momento ficar ainda mais especial, o SESI-RN e a FIERN convidam a sociedade potiguar para prestigiar a apresentação das novas vozes do RN durante as audições da Semifinal.

Portanto, se você curte uma novidade e gosta de descobrir novos artistas musicais, venha participar deste momento. A entrada é gratuita, mas os interessados precisam fazer a retirada antecipada dos ingressos através do Sympla https://www.sympla.com.br/evento/festival-do-industriario-sesi-entoando-cancoes/2423124

Para mais informações sobre o Festival do Industriário 2024 – SESI Entoando Canções”, siga @sesirn.

Livro “MEMORIAL POLÍTICO DOS VERAS E SALDANHAS” é lançado nesse 18 de abril

Os escritores Galbi Saldanha e Fabiano Veras lançam, dia 18 de abril, o livro “Memorial Político dos Veras e Saldanhas”, em sessão de autógrafo que acontecerá às 10h, no Salão Nobre da Assembleia Legislativa do RN.

O livro relata a história política dos Veras e Saldanha, em uma análise detalhada dos mandatos exercidos por membros destas duas famílias, de 1874 até os dias atuais, como de governador, deputado estadual, deputado federal, intendente, prefeito e vereador.

A obra retrata os descendentes do Capitão Joaquim da Silva Saldanha e Francisca Joaquina Fernandes Maia (Chiquinha do Mulungu) e os procedentes de Cosma Rodrigues Veras, que se casou com o primo Luciano Martins Veras e, depois quando viúva, com Joaquim Felício de Almeida Castro.

As famílias Veras e Saldanha são oriundas do estado do Ceará. Aportaram no Rio Grande do Norte e Paraíba em torno de 1830, espalhando-se depois por outros estados da federação. Galbi Saldanha e Fabiano Veras têm um olhar acurado também à descendência de Diogo Maia e Felícia Maia, irmãos de Francisca Joaquina Fernandes Maia (Chiquinha do Mulungu).31 sVer tradução

Abril das Artes: Curraisnovense Chico Bethoven e ‘Choro do Elefante’ se apresentam nesta sexta (19)

O saxofonista Chico Bethoven e o grupo “Regional Choro do Elefante” antecipam as comemorações em torno do Dia Nacional do Choro com uma apresentação no Teatro Alberto Maranhão, em Natal (RN), nesta sexta-feira (19), contando a história do Choro através de um repertório que é a própria história do gênero. O evento é gratuito e integra a programação do projeto “Abril das Artes”, projeto promovido pelo Governo do RN, por meio da Secretária Extraordinária de Cultura, sob a coordenação da Fundação José Augusto (FJA).

O Choro é considerado o primeiro gênero musical urbano brasileiro, que tomou forma no final do século 19. Porém, somente neste ano de 2024, no mês de fevereiro, os membros do Conselho Consultivo do Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional (Iphan/MinC), aprovaram o registro da manifestação cultural no Livro das Formas da Expressão e o Choro passou a ser Patrimônio Imaterial Cultural do Brasil. A data instituída como Dia Nacional do Choro é o dia 23 de abril.

Na terra de K-Ximbinho, Ademilde Fonseca e outros nomes expressivos da música, a data ganha um brilho especial, pois no Rio Grande do Norte existe um movimento que atravessa gerações de “chorões” e “choronas” que chegam até os dias atuais, como é o “Regional Choro do Elefante”, o grupo mais antigo em atividade em Natal do gênero na atualidade (desde o ano 2000). A apresentação desta sexta-feira contará com a participação especial da cantora potiguar Laryssa Costa, interpretando clássicos do choro.

João Gustavo quer Circuito Junino nas comunidades rurais

Durante o FORRONOVOS, tradicional festejo junino em Currais Novos, acontece o “Circuito Junino”, com eventos em bairros da cidade.

Agora, o vereador João Gustavo solicitou que, durante os festejos, o Circuito seja estendido também às comunidades rurais.

“Isso vai valorizar as nossa comunidades, e além do que já é oferecido, se deve proporcionar estrutura de banda e outros atrativos para a população”, justificou o vereador.

HOJE: Oficina prática de projetos para a Lei Paulo Gustavo, nessa segunda-feira, às 19:00, no Solar das Artes

A oficina prática de projetos para a Lei Paulo Gustavo, que acontecerá no dia 15/04, às 19:00, no Solar das Artes, no Centro de Currais Novos.

Será ministrada pela Produtora Cultural Iara Maria de Carvalho, esta é uma oportunidade imperdível para aprender e contribuir para o cenário cultural da nossa cidade!

Esta oficina é uma promoção e realização do Mandato do Vereador João Gustavo. visando fortalecer a cultura local.

INSCRIÇÕES

Serão apenas 25 vagas destinadas exclusivamente para artesãs e artesãos do município de Currais Novos – inscrições através do formulário disponível na Bio ou através do direct Instagram João Gustavo.

Currais Novos: Casa de Cultura será restaurada

A Secretaria de Economia Criativa e Fomento Cultural, do Ministério da Cultura, aprovou a proposta de recuperação de 15 Casas de Cultura Popular, dentre as 27 existentes, tombadas pelo Governo do Rio Grande do Norte e administradas pela Fundação José Augusto (FJA).

As Casas de Cultura Popular foram criadas em 2003 e abrigadas em prédios de inegável valor arquitetônico e histórico, localizados nos municípios de Alexandria, Caraúbas, Cruzeta, Currais Novos, Florânia, Grossos, Janduís, Jardim do Seridó, João Câmara, Lajes, Macaíba, Parelhas, São José do Campestre, Umarizal e Viçosa.

O valor aprovado foi de R$ 11.297.658,00. Agora, a proposta passa à fase de obtenção de doações e patrocínios.