Setur/RN fica em primeiro lugar em categoria do Prêmio Nacional do Turismo

Recentemente, numa cerimônia em Brasília (DF), durante a 7ª edição do Salão Nacional do Turismo, a maior vitrine de experiências e roteiros do setor do Brasil, premiou a Secretaria Estadual de Turismo do Rio Grande do Norte (SETUR/RN) ficou em 1º lugar no Prêmio Nacional do Turismo, categoria Formação e Inserção Produtiva de Pessoas no Turismo. A SETUR/RN se destacou com a iniciativa de Cursos de Capacitação de Fortalecimento para Atores da Atividade Turística, realizada com recursos do Projeto Governo Cidadão.

O prêmio recebido reconhece as melhoras práticas e talentos que fazem a diferença e contribuem com o desenvolvimento do turismo.

“Esse prêmio é o reconhecimento das ações realizadas pela Setur/RN para a melhoria da qualidade dos serviços turísticos. Ofertar qualificação para os trabalhadores do setor, nos diversos destinos que integram as regiões turísticas potiguares, é desafiador e gratificante. É um trabalho que fazemos de maneira conjunta, pois envolve a equipe da secretaria com as instâncias de governança regionais e prefeituras, além da comunidade. O prêmio é do turismo do estado”, enfatizou a secretária de Estado do Turismo, Solange Portela.

GEOPARQUE

Os cursos de capacitação foram realizados pelo Senac/RN, contratado pelo Governo do RN, com recursos do Projeto Governo Cidadão com o Banco Mundial, beneficiando mais de 1.000 (mil) trabalhadores em 46 (quarenta e seis) municípios potiguares. O Rio Grande do Norte também foi destaque em mais uma categoria, levando a primeira colocação com o coordenador científico do Seridó Geoparque Mundial da UNESCO, professor Marcos Nascimento, na categoria Academia. “Nada disso seria possível se não contássemos com as parceiras da academia com a pós-graduação em turismo da Universidade Federal do Rio Grande do Norte (UFRN), com a Secretaria Estadual de Turismo (SETUR/RN) e a Empresa Potiguar de Promoção Turística (EMPROTUR), que nos permite levar conhecimento geocientífico para o RN, para o Brasil e para o Mundo”, pontuou o professor Marcos.

0 comentários ↓

Não existe comentários ainda...que tal deixar sua opinião ??

Deixe um comentário