Mais de mil servidores não responderam ao censo da educação do RN

A Secretaria de Estado da Educação do Lazer do Rio Grande do Norte (SEEC/RN) concluiu a análise dos dados produzidos a partir do Censo dos Servidores. Pelos dados, dos 20.620 servidores ativos que compõem a rede estadual de educação, 19.601 responderam ao censo, devidamente lotados em seus postos de trabalho.

Os números mostram que 1.019 servidores não responderam, sendo que: 670, o que representa 3,4%, estão cedidos ou de licença, sem ônus para o governo estadual; 128, equivalente a 0,6%, são servidores alocados que não responderam e 221, representando 1%, estão sem registros em suas folhas funcionais.

Para a pasta, a taxa de resposta sugere um bom engajamento dos servidores com o censo.

“A realização do censo é fundamental para garantir que tenhamos dados atualizados dos nossos servidores, o que nos permite planejar e executar políticas públicas de maneira mais eficaz. A alta taxa de resposta demonstra o compromisso dos nossos profissionais com a melhoria contínua da gestão pública”, frisou a secretária de Educação do RN, professora Socorro Batista.

Mas a participação no censo foi obrigatória para todos os servidores ativos, incluindo efetivos, comissionados e celetistas, exceto para aqueles que ingressaram no serviço público neste ano.

A reportagem da Agência SAIBA MAIS procurou a SEEC/RN para saber informações sobre o grupo de servidores que não respondeu ao censo, inclusive o que pode vir a acontecer com eles. A secretaria informou que, de acordo com a portaria que regulamentou a iniciativa,“O não cumprimento ou a prestação de informações incorretas acarretará em apuração por meio de Processo Administrativo, conforme a legislação vigente, o que pode resultar na suspensão do pagamento no mês subsequente, sendo o restabelecimento do pagamento condicionado à regularização da situação funcional, conforme a portaria interadministrativa Nº 678, de 18 de março de 2024”.

Do SAIBA MAIS

Seminário Nacional de Mulheridades e Cultura estimula a participação feminina na construção de políticas públicas



O som do Batuque de Mulheres do Grupo Gami e a alegria das artistas circenses Aranha e Ju Modro deram início ao I Seminário Nacional de Mulheridades e Cultura, em Natal, nesta terça-feira (18). Durante os dias 18 e 20 de junho, o Complexo Cultural Rampa, na Zona Leste de Natal, será tomado por mulheres fazedoras de cultura, com mesas temáticas, oficinas e programação cultural
A abertura do seminário contou com a participação da governadora do Rio Grande do Norte, Fátima Bezerra, e das ministras da Cultura, Margareth Menezes, e das Mulheres, Cida Gonçalves. Também participaram a Secretária Extraordinária de Cultura, Mary Land Brito, a secretária das Mulheres, da Juventude, da Igualdade Racial e dos Direitos Humanos, Olga Aguiar, o diretor da Fundação José Augusto, Gilson Matias, e outros membros do secretariado estadual, parlamentares e representantes de movimentos sociais organizados.

O Seminário é uma iniciativa do Ministério das Mulheres, em parceria com o Ministério da Cultura (MinC) e o Governo do Rio Grande do Norte, por meio da Secretária Extraordinária de Cultura e Fundação José Augusto, para promover a troca de experiências, fortalecer a organização e estimular a participação social e política delas na construção de políticas públicas.

“Vamos fortalecer as políticas públicas para as mulheres de forma que cada vez mais elas alcancem lugares de poder, não só na cultura, mas em todos os lugares. Tá na hora de avançar na luta contra preconceitos e violências e a favor de uma melhor qualidade de vida para a população feminina. Viva as mulheres, viva os direitos das mulheres”, conclamou Margareth Menezes.4 hVer tradução

Flávio Azevedo assume cadeira no senado nesta quarta-feira

O empresário Flávio Azevedo (PL) assumirá temporariamente o cargo de senador nesta quarta-feira 19, a partir das 16h, em solenidade no plenário do Senado. Primeiro suplente do senador Rogério Marinho (PL), que se licenciará durante 120 dias para se dedicar integralmente às campanhas eleitorais municipais do partido no Estado, Flávio presidiu a Federação das Indústrias do RN (Fiern) de 2003 a 2011 e foi vice-presidente da Confederação Nacional da Indústria (CNI) entre 2008 e 2011.

Esta é a primeira vez que Flávio Azevedo assume como senador, mesmo que durante um período determinado. Irmão do também empresário Haroldo Azevedo, que foi suplente de senador de Geraldo Melo, morto em março de 2022, ele é dono do jornal Tribuna do Norte e da rádio Jovem Pan News de Natal.

Nesta segunda-feira 17, Rogério Marinho confirmou à Folha de S. Paulo que foi “designado pelo presidente do PL, Waldemar Costa Neto, para ajudar a reorganizar o partido no Nordeste”. O objetivo é aproveitar as eleições municipais para mostrar ao eleitor nordestino que ele tem afinidade” com o que o PL representa e defende, contra as características atribuídas ao PT do presidente Lula.

Lula cumpre agenda em Fortaleza nesta quinta-feira

O presidente da República, Luiz Inácio Lula da Silva (PT), visita Fortaleza na tarde desta quinta-feira (20) para entrega de 416 unidades habitacionais. Antes, o chefe do executivo nacional tem agenda prevista para o Palácio da Abolição, sede do governo do Estado, onde anuncia investimentos para instituições federais do Ceará.

A cerimônia de entrega das unidades habitacionais ocorre às 16h, no Residencial Cidade Jardim III. As unidades são financiadas pelo programa Minha Casa, Minha Vida.

Odon entrega última obra de gestões anteriores

Foi nessa segunda-feira (17), ocasião em que o prefeito afirmou:

“Hoje foi um dos dias mais emocionantes desses quase 7 anos e meio que estamos a frente da Prefeitura Municipal de Currais Novos. Entregar a última obra que ficou de gestões passadas.

Essa Creche do Paizinho Maria, quando vereador conquistei junto a então Deputada Federal Fátima Bezerra os recursos no Governo da Presidente Dilma e quis a história e o povo que eu viesse ser o Prefeito para concluir essa obra tão importante para a educação de crianças do Bairro Paizinho Maria e Alto de Santa Rita”.

ESTRUTURA

“Escola com estrutura bem concluída, minha gratidão ao Deputado Benes e os vereadores Cleyber e Edmilson, ao Deputado Mineiro e a vereadora Rayssa e ao Senador Jean Paul por destinar 250 mil de emenda que ajudou na conclusão.

Agradecer aos Secretários que passaram e atuais, Jorian, Andreia, Lourdes e Joelmir na Educação e Lucas Galvão e Elton do Ó que passaram pela Infraestrutura.

Tia Neta foi uma mulher batalhadora, merendeira do Educandário Jesus Menino e moradora do Bairro Paizinho Maria, teve sua vida dedicada as crianças.

PRÊMIO

O Prêmio que recebemos em Brasília de Prefeito Amigo da Criança fala muito sobre essas ações voltadas para as crianças e adolescentes nos últimos 7 anos e meio.

Gratidão a Deus por esse momento!”, concluiu o prefeito Odon Jr.2 minVer tradução

Edital apoiará projetos de incentivo ao esporte feminino com até R$ 500 mil

Com o compromisso de promover a inclusão social e a equidade de gênero, o Instituto Neoenergia, com parceria técnica da Auíri, está com inscrições abertas através do Edital Jogando Juntas de incentivo ao esporte feminino.

O Jogando Juntas vai selecionar projetos de qualquer modalidade esportiva, exclusivo a mulheres, no Rio Grande do Norte. Os contemplados podem receber um apoio financeiro de até R$ 500 mil.

As inscrições devem ser feitas no site do Instituto Neoenergia (www.neoenergia.com/web/instituto-neoenergia) até o dia 31 de julho. As organizações da sociedade civil interessadas em participar da seleção devem estar enquadradas na Lei Federal do Esporte (11.438/2006) ou na Lei Paulista de Incentivo ao Esporte (13.918/2009).

Os projetos precisam atender pelo menos um entre três Objetivos de Desenvolvimento Sustentável (ODS) da Organização das Nações Unidas (ONU): erradicação da pobreza; igualdade de gênero; ou redução das desigualdades.

Geraldo Dantas (Gegê) se reúne com Dr. Eduardo, Lucas e equipe de apoiadores

No final de semana passado, Gegê, que é pré-candidato a vereador pelo PSD em Currais Novos, teve uma intensa agenda de reuniões com apoiadores, capitaneados pelo ex-vereador, médico Eduardo Pontes.

Nesses encontros, Gegê teve oportunidade de escutar sobre as necessidades do município e o que fazer, contribuindo para solucioná-las.

Geraldo (Gegê) também teve um encontro com o pré-candidato a prefeito Lucas Galvão, conversando sobre pautas importantes para o município de Currais Novos.

Lançado oficialmente ontem na CDL, o CN.HUB

O evento aconteceu na noite dessa segunda-feira (17), contando com as presenças do prefeito Odon Jr., o vereador Mattson Ranier, Edinete Nascimento (SEBRAE), Gilson Bezerra, presidente da CDL, o vereador João Gustavo, empresários e estudantes universitários, envolvidos na iniciativa.

O que será o CN Hub?

A infraestrutura ficará na sede da CDL no centro da cidade, 03 negócios de base tecnológica em fase inicial serão selecionados, em edital lançado ontem, para embarcar no programa de seis meses de formação e acompanhamento com profissionais da área.

Além do acompanhamento técnico, as empresas terão seis meses de espaço físico para trabalhar com a sua equipe, onde os negócios serão feitos dentro do próprio Hub.

O objetivo é amadurecer negócios de base tecnológica e entregar para o mercado local empresas com faturamento, gerando emprego e solucionando problemas reais.

O CN HUB é um avanço no amadurecimento do ecossistema de inovação de Currais Novos e será um marco de infraestrutura e política pública de apoio aos negócios inovadores.

Atletismo cerrocoraense é campeão estadual no sub-18

A Associação Esportiva e Cultural de Cerro Corá (AESC) é campeã de Atletismo no Rio Grande do Norte na categoria sub-18, tendo como destaques os campeões brasileiros João Arthur, Robinho e Jorge Mizael nas competições ocorridas 15 e 16 em Natal.

João Arthur venceu o salto em distância de 200 metros e os 110 com barreira, enquanto Jorge Mizael venceu os 400 metros rasos e 400 com barreira e no salto triplo. Robinho foi primeiro colocado nos saltos com vara e altura e Marcos Eduardo foi primeiro lugar no lançamento do martelo com 52 metros, Rafael Damasceno os 100 metros e Maxwendell foi primeiro no lançamento do dardo e ainda Rivaldo venceu o lançamento disco.

A equipe de Atletismo de Cerro Corá também ganhou medalha de ouro no revezamento 4 x 100 metros com Arthur, Jorge, Robinho e Renan Rafael.

Já no feminino a AESC foi ouro com Lara Yasmin no 5 mil metros da marcha atlética.

Outros resultados

Prata com Renan no lançamento do martelo e Jhonatan no salto com vara, além de bronze no 110 metros para Renan e João Pedro no salto em altura.

No Estadual adulto ouro pra Brenna Munique no 400 com barreira e prata no 400 metros rasos.

Festival Tânia Padilha

Destaque para Luana Borges ouro no 75 metros, Emily Beatriz ouro no 3 mil metros da marcha e ouro pra Mirelle Lhorany no 1. 000 metros.

Jornalista formada pela UFRN recebe prêmio nacional

“Sou uma mulher, preta e potiguar, vim de uma cidade do interior do RN (Macau). Nunca imaginei que poderia chegar tão longe, com um reconhecimento nacional. A felicidade não cabe no meu peito e sei que é só o começo de tudo”, relata Cecília Costa, vencedora do prêmio Intercom de Monografia 2024. Jornalista formada pela Universidade Federal do Rio Grande do Norte e ex-bolsista da Agência de Comunicação (Agecom/UFRN), Cecília conquistou a premiação concedida pela Sociedade Brasileira de Estudos Interdisciplinares da Comunicação (Intercom).

A monografia produzida pela ex-aluna do Departamento de Comunicação da UFRN, intitulada Quem ama não mata: uma análise da cobertura sobre feminicídio no portal do G1 RN, foi selecionada para receber o prêmio após passar por uma comissão avaliadora composta por 24 pesquisadores de todo o Brasil. Cecília conta que já vem pesquisando sobre o assunto há muito tempo. “A temática da violência contra a mulher, com o recorte do feminicídio, é algo que já venho estudando desde 2018, mas de forma intuitiva e independente. O resultado da minha monografia é uma construção de muitos anos”, relata.

O prêmio, que tem como principal objetivo reconhecer e evidenciar a produção e a pesquisa científica ligada à área da comunicação no país, é dividido em 4 categorias: graduação, mestrado acadêmico, mestrado profissional e doutorado. Os trabalhos que recebem as premiações concedidas pela Intercom precisam atender a algumas exigências, são elas: relevância e atualidade do tema; qualidade do texto; contribuição para a área; e abordagem teórico-metodológica.

A jornalista fala que ouviu o termo “feminicídio” pela primeira vez em 2017, antes mesmo de ingressar na Universidade, e decidiu se aprofundar no assunto após começar a sua trajetória dentro da UFRN. “Direcionei o meu estudo para analisar a cobertura de casos de feminicídio realizada pela imprensa brasileira. A abordagem realizada pela mídia, muitas vezes, é romantizada, irresponsável e culpabiliza e revitimiza a vítima (e os seus familiares), com viés machista que reforça estereótipos de gênero.